7 Dicas para um Feedback Adequado

- by Leandro Correa Martins 0



Alguns pontos sobre o feedback são prioritários.

Em primeiro lugar, feedback não é opinião. Não basta dizer: está bom ou não está bom. É necessário dizer porque está bom ou porque não está bom. Feedback é reorientação e, portanto, precisa indicar o caminho.
Em segundo lugar o feedback é imprescindível para o desenvolvimento. Afinal, qual é a nossa expectativa após a prova? A nota lógico, isto é, o feedback. Isso quer dizer que não há desenvolvimento sem feedback.
Por isso podemos afirmar que feedback não é uma opção da liderança. É muito mais, é uma obrigação da Liderança.
Mas vamos ás sete dicas de feedback de hoje:
1. Exerça o feedback logo após a ocorrência do fato. É fundamental que o subordinado relacione o feedback com o fato concreto realizado. Deixar passar muito tempo entre o fato e o feedback pode possibilitar que se levante hipóteses de que o chefe o está perseguindo ou que esta “usando” esse fato por outras razões e pode-se deixar de relacionar o fato com o desenvolvimento.
2. Por outro lado analise o “clima” da situação. Se a situação estiver tensa aguarde acalmar. Pessoas em situação de tensão estão, como se costuma dizer, com “os nervos a flor da pele”, com alto índice de adrenalina. Aguarde um momento mais oportuno. Respeite e Você terá muito maior eficácia na sua ação de feedback.
3. Complementarmente ao item anterior dê o feedback em particular. Não o faça na frente da equipe ou pior, na frente de profissionais de outras áreas. É particularmente danoso, principalmente para sua imagem de chefe. As pessoas não gostam de se verem expostas. Nestes casos é muito provável que seu subordinado não concorde (externa ou internamente) com a sua observação e o resultado será ainda pior. Uma frase muito antiga já dizia: “elogios em público, broncas em particular”!
4. Se preferir provoque reuniões semanais ou quinzenais para atualizar o feedback de algumas ações / projetos. Transforme seu feedback em reuniões de orientação. Desta forma o feedback será cada vez mais aceito e desejado pela equipe.
5. Na ação de feedback VÁ DIRETO AO PONTO! Não comece dizendo: “Você está indo muito bem, MAS.....”. Não é necessário preparar a observação que pretende fazer. Preocupe-se, apenas, em concluir o feedback com uma observação encorajadora. Mostre confiança nos resultados. No mínimo diga que é para evitar-se erros depois.
6. Se durante seu feedback o seu subordinado esquivar-se dando desculpas sobre outros aspectos como: falta de tempo, sobrecarga, desconhecimento, ou qualquer outro argumento não discuta esses pontos. Entenda e faça-o entender que essas situações são comuns nos dias de hoje, mas reforce o FATO. Quanto aos fatos não há argumentos. Você não está fazendo uma avaliação, está, apenas, constatando um FATO! Você pode até reconhecer as dificuldades apresentadas pelo seu subordinado como reais, e pode até trabalhar na minimização dessas dificuldades, mas o FATO existiu e precisa ser observado, corrigido e melhorado. Não caia na “armadilha” de discutir outros aspectos do trabalho esquecendo-se do objetivo principal. Afinal “porque estamos aqui”?
7. A postura de quem dá um feedback FAZ TODA A DIFERENÇA! Se Você vai chamar a atenção para um erro cometido faça com que essa observação seja uma reorientação e não uma crucificação. Orientações e até broncas em voz baixa são muito mais intensas e consistentes. Faça-os perceber que sua intenção é, além de cumprir com sua missão de líder, orienta-los para melhorar, sempre. Esse é o verdadeiro objetivo do feedback – A EDUCAÇÃO.

Blog Sua Carreira

Leandro Correa Martins. Minha Missão é Ajudar Pessoas na utilização de ferramentas para uma Gestão inteligente, dos processos de Gestão de Pessoas (com ênfase em Gestão por Competências com Avaliação de Desempenho), através de consultoria e treinamento específico, em processos e sistemas de cargos e salários, recrutamento e seleção, treinamento e desenvolvimento. Especialista em gestão de pessoas e negócios. Fundador do Blog Sua Carreira. 20 anos de experiência no mundo corporativo em empresas do segmento bancário, consultoria de recursos humanos e tecnologia. Inscreva-se no meu canal do Youtube.
Eu também sou membro de um grupo fechado de pessoas que cria negócios lucrativos online. Quer saber mais? ==> Libertação Digital.

0 comentários:

Comente e Compartilhe com seus amigos!

...................................................................

.
.

Os Mais Lidos da Semana

Blog Sua Carreira © 2017 - Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.
© 2017 Blog Sua Carreira. WP Theme-junkie converted by BloggerTheme9
Traduzido por: Template para Blog